23.4.10

Dia mau para a democracia

.
"Olhe, finalmente lá chegou o Economist", diz-me o homem do quiosque, "não percebo porque é que esta semana as revistas estrangeiras se atrasaram tanto."

Ganha a vida a vender jornais e revistas, mas nem ele nem aqueles que o rodeiam, incluindo quem vem entregar-lhos, são capazes de entender o que se passa no pequeno mundo profissional que habitam.

Não vê televisão? Não sabe que durante uma semana não houve aviões? Talvez saiba, mas porventura nunca lhe terá passado pela cabeça que as revistas possam vir de avião. Se calhar, nunca sequer teve curiosidade de perguntar-se como é que elas cá chegam.

Este homem não percebe nada de nada do que se passa à sua volta. A informação que atravessa instantaneamente o mundo passa-lhe literalmente por cima da cabeça.

Jesus. Quando um homem se põe a pensar.
.

1 comentário:

JOSÉ LUIZ SARMENTO disse...

... e é isso que torna possível o fenómeno observado por Thomas Frank: They vote Republican (get this) to get even with Wall Street!