4.2.09

A exportação líquida da Qimonda

.
Esclarecimento:
"Sempre que se fala da Qimonda, por vezes até se omite o nome e se diz "o maior exportador nacional". O título é de 2008 e compreende os 1.400 milhões de euros que a Qimonda exportou, e que a coloca à frente da Auto-Europa.

"Agora o que não se diz é que a Qimonda importa 1.100 milhões de euros. Em termos líquidos, o contributo para a balança das exportações é de 300 milhões.

"Como diz o presidente da AICEP, o problema do fecho da Qimonda não é económico, é social. São 1800 postos, que os apregoados compradores das instalações que por aí andam, nem querem ouvir falar."
Ler ainda um comentário judicioso a este post:
"Ainda falta o graveto que o governo manda para lá... e quase de certeza n de descontos nos impostos."

.

2 comentários:

GL disse...

Qimonda? Quem foi?
- -
Perda de tempo e trabalhar para a platéia. Neste caso, como em quase tudo, o governo está cercado pelo "preso por ter cão, preso por não ter", quase um lema dos tempos que correm.

Anónimo disse...

A crise não é apenas do Governo, é sobretudo do modelo de sociedade capitalista, neoliberal em que vivemos: em Portugal, Espanha, França, EUA, Itália... O modelo globalizado e selvagem que o ocidente criou e difundiu provou a sua não validade. PORÉM, TANTO O ACTUAL PS, COMO O PSD SÃO OS GRANDES DEFENSORES DO SISTEMA EM PORTUGAL E ESTÃO COMPROMETIDOS COM ELE.

Zé da Burra o Alentejano