10.7.08

Medíocre menos

É evidente que a apresentação de um conjunto de medidas avulsas destinadas a minorar o impacto da estagnação económica durante o debate parlamentar sobre o Estado da Nação subverte por inteiro o propósito para que ele foi criado.

Não é sério nem revela respeito pelo país e pela oposição isto de o primeiro-ministro sacar do bolso um chamado "pacote anti-crise" que, pela natureza das coisas, nem os deputados do PS nem, sobretudo, os outros, estarão preparados para discutir.

Não sei como é que os meus concidadãos reagem a estas coisas, mas, a mim, estas manobras de baixa política desinteressam-me tanto do debate como das políticas que Sócrates irá exibir para as câmaras da televisão.

Nota 7.

3 comentários:

Luis M. Jorge disse...

Onde está você quando é urgente, mferrer?

GL disse...

E o que dizer quando os temas dos debates são desviados para outras questões que só visam alimentar as performances de demagogia barata de alguns partidos da oposição?

GL disse...

O Rangel é fraco.